Blog

Novidades do Universo Inked

SER ou não ser…????

Essa postagem é apenas um pouquinho da vida de uma mulher tatuada e o que ela pensa e não diz o que as outras pessoas no mesmo “grupo”, devem pensar ou sentir.
Ser reprovada pelos pais e ouvir que você nunca será “alguém” se continuar “assim”. Ser olhada no escritório cheio de falsos puritanos, que te comem com os olhos, ou adorariam de verdade e julgada como imprópria para o ambiente de trabalho, porque você é muito “rock’n roll” para o meio “administrativo”.
Ser julgada numa balada como promíscua (chata, vaca, cuzona entre outros adjetivos) ou louca, quando você não quer nada com os engraçadinhos de plantão.
Bom, alguém pode se identificar, outros podem dizer que essa época já passou. Mas eu posso afirmar que não, ainda não.
O que eu gostaria de mostrar ou fazer entender, principalmente para a galera mais nova é que tattoo NÃO é apenas “modinha”, uma fase; e NÃO, não define CARÁTER!
É sim uma expressão artística, é uma forma de individualização, de Identidade.
Assim como a religião e a moda marcam a expressão do indivíduo, a tattoo também. Não estou falando aqui da estrutura espiritual, não acho certo expressar minha opinião a esse respeito. Mas como pessoa em uma sociedade cheia de expectativas e julgamentos, acho certo expor o que os tatuados são.
SÃO seres humanos, que expressam seus ideais de arte, de moda… de vida na própria pele. São pessoas capacitadas para qualquer tipo de situação de acordo com suas próprias vontades.
Estudam, trabalham; São mães, pais, filhos… seus vizinhos; São médicos, músicos, são chefes de cozinha e por que não ministros religiosos?!
É a velha estória do médico que pode salvar sua vida e se você o encontrasse em qualquer bar da vida, você duvidaria disso.
Somos coloridos e nos orgulhamos disso. Posso sim usar um vestido de gala, ser a noiva na igreja protestante. Posso ser a “rockeira” daquele show incrível. Posso ser sua melhor amiga. Posso ser o que eu quiser, quando quiser.
Parem de julgar e façam mais pelas suas famílias, por aqueles que precisam. Deem bom dia ao porteiro, boa tarde ao garçom.
Segure a porta do elevador.
E mais, para todos tatuados ou não: Somos especiais sim! Simplesmente porque somos mais uma das espécies que habitam esse planetinha LINDO, cada um entre os outros mais de 7 bilhões.
E sabe a frase NÃO SOU OBRIGADO! Ah, você não é obrigado a nada, mas como animal racional (tenho cá minhas dúvidas), temos o compromisso de coexistir, QUERENDO OU NÃO, não ceder aos olhares e continuar fazendo o melhor que pudermos, todo dia.

Por que tudo isso?
Pessoas morrendo do outro lado do mundo, pessoas doentes na casa vizinha, seu filho com problemas na escola, contas para pagar, sua vida acabando a cada dia e você aí preocupado com o que vestir, no corpo ou na pele?
Vista RESPEITO! ou ao menos tolerância!
Sou kitsch sim e daí? rsrs